Alegria sempre em nossos corações . . . Muita Paz Saúde Luz e Amor .... Alegria sempre em nossos corações  Muita Paz Saúde Luz e Amor

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Nós não escolhemos, somos escolhidos, ainda somos pequenos servidores – Parte 1/5




Salve Jesus!

Salve o Mestre Ramatis, que guia nossos passos na senda do progresso!

A aproximação da crosta terrena não está nada fácil. Muitos mensageiros se aproximam trazendo sua palavra amiga, esclarecimentos e mensagens de conforto e esperança.

Atravessam a grossa comada de poluição psíquica, emitida pelos seres humanos, habitantes do Planeta. Desprendem grandes esforços e energias neste processo. Chegam cumprindo a determinação do Pai de servir à humanidade, mas, aqueles que assumiram o compromisso, de receber nessa hora os presentes de luz, recusam-se a fazê-lo, ou quando os recebem, guardam para si como se fossem os eleitos; ainda não compreenderam a mensagem do Mestre Jesus, que ensina a dar mais, do que receber.

Que sentido haveria de empregar tanto esforço, para privilegiar meia dúzia de Servidores da Luz?

É necessário que reflitam, pois as bênçãos recebidas se destinam a um número bem maior de seres. Muitos existem, que vivendo na Terra, encontram-se desinteressados das verdades sublimes e superiores; há os que manifestam interesses, ocasionalmente, movidos pela curiosidade ou pela vontade de impulsionar a carreira, ou destacar-se no serviço mediúnico, diferenciando-se dos demais.

Nenhum desses, no entanto, possui raízes profundas no seu desejo de receber tais informações; todos eles se encontram marcados pelos fortes traços do egoísmo ainda presente em suas almas.

Mas, dentre todos, há também aqueles, com o desejo sincero de compreender o Universo em que estão mergulhados, de buscar o entendimento das Leis de Deus, de desenvolver a fraternidade, de almejar a felicidade plena de irmãos convivendo fraternalmente. A estes se destinam os Presentes de Luz enviados por Deus.

Por isso, quando chegam as comunicações, elas não devem estacionar, e demoradamente repousar nos grupos que as receberam. Devem ultrapassar as paredes dos Núcleos de Trabalho Ramatisianos e alcançar os irmãos sedentos de luz, aspirantes ao progresso e à evolução.

Muita responsabilidade assumiu aquele que pediu o trabalho como oportunidade redentora, como caminho para o progresso e salto evolutivo.

(Continua na Mensagem Semanal 3021)

América Paolielo Marques

GESH – 27/07/2013 – Psicofonia – Vigília Jacaraipe – Serra, ES – Brasil